sexta-feira, janeiro 4

Primeira citação do ano

"Não queiras saber tudo. Deixa um espaço livre para te saberes a ti."

Vergílio Ferreira

E se tentássemos por esta ideia em prática neste ano de 2008? Que dizem?
Por mim, vou tentar fazê-lo.

19 Comments:

Blogger wind said...

Certíssima essa frase/pensamento.
Temos de nos conhecer 1º que tudo:)
Beijos

12:48 da tarde  
Blogger Rosa said...

Eu não percebo onde é que uma coisa impede a outra. Mas, lá, está, eu tenho esta mania de não perceber nada nunca.
Bom ano, miúda! Beijinhos doces.

3:24 da tarde  
Blogger Sirk said...

Fazes tu muito bem. Eu como nunca me coloco num patamar muito alto, isto é, considero que todos tem algo para me ensinar... no entanto é sempre de melhorar, porque como se canta: "para pior já basata assim..."

Ena, ena!, consegui escrever um parágrafo sem ter puxado o assunto para outras zonas mais fálicas e assim...

hehehehehe

8:50 da tarde  
Blogger Sirk said...

ah!, não é "basata" é "basta".
raismapartam ....
:S
:D

8:52 da tarde  
Blogger mariazinha said...

é isso aí.

:) Bom 2008!

9:30 da tarde  
Blogger Jeust said...

Sim... há que ter a humildade de nos conhecermos e nos sabermos.

E também não podemos saber tudo... :p

Toca a meditar... lol

Um bom ano de 2008 malta :)

Beijinhos e abraços

12:34 da manhã  
Blogger AQUILES said...

Tentar não basta.
O problema é se se decepcionam consigo mesmo. Há que arriscar :):):):)

2:44 da tarde  
Blogger Olá!! said...

Que monotonia seria saber tudo e pior ainda não nos conhecer-mos por dentro...
Beijos

7:51 da tarde  
Blogger Lux Caldron said...

Amiga Andorinha, um bom ano de 2008, mesmo que não consigas cumprir este teu desejo, pois considero que ninguém sabe tudo e mesmo que tente muito, nunca ninguém será capaz de se conhecer completamente a si próprio.

Ainda assim vale a pena tentar, saber o máximo e conhecermo-nos o mínimo!

Dark kiss*

11:05 da tarde  
Blogger Sunshine said...

Feliz 2008!
Primeiro conhecermo-nos ao máximo, para depois compreendermos muito.
Se nos decepcionarmos com o que descobrirmos em nós, há sempre uma hipótese:mudar.

12:58 da manhã  
Blogger Su said...

é o conhece.t a ti mesmo:))))))

jocas maradas menina e feliz ano....todos os dias...sempre

2:17 da manhã  
Blogger Oliver Pickwick said...

Olá, Andorinha! Vejo-a sempre em sobrevôos lá pelas terras de Goth Land, do nosso amigo comum Lord of Erewhon, a.k.a., Klatuu.
Deixaste um sábio conselho nesse post. Farei como você, tentarei por em prática ao longo do ano.
Beijos!

3:08 da tarde  
Blogger Ariel d'Angouleme said...

Vejo aqui uma forma interessante de nada ser.
"Não queiras saber TUDO."
(Saibamos então um pouco de nada. Nós. Que não somos TUDO nem parte dele.)
Bem, lá estou eu a estragar...
Mas vamos colocar mãos à obra:
Não sejamos tão obsessivos pelo conhecimento.
Sejamos um pouco mais...

Beijos*

7:34 da tarde  
Blogger Klatuu o embuçado said...

O Virgílio também bebia o seu copito! :)=

11:14 da manhã  
Anonymous nanashi said...

noutro dia já era para ter passado aqui, mas aconteeu qualquer coisa e depois esqueci-me -_-"

e obrigado por teres passado no meu blog ^^.

beijinhos

6:20 da tarde  
Blogger andorinha said...

Wind,
Sou da mesma opinião.
Beijos

Rosa,
Que miúda complicada tu me saíste:)
Beijinhos e Bom Ano.

Sirk,
Sim, estás a melhorar. Já vais comentando sem recorrer a palavreado menos próprio:)))

Jinhos*

Mariazinha,
Bom 2008 também para ti:)

Jeust,
Claro que não podemos saber tudo, ninguém pode.
Mas se nos conhecermos, já não é mau:)

Beijinhos.

Aquiles,
Tentar é o primeiro passo.
E olha o teu calcanhar...:)))

Olá,
Tens tu toda a razão.
Beijinhos.

Lux,
Claro que saber tudo é impossível.
Já conhecermo-nos a nós próprios é uma tarefa que pode levar o tempo de uma vida.

"Ainda assim vale a pena tentar, saber o máximo e conhecermo-nos o mínimo!"

Não entendi. Achas que não devemos tentar conhecermo-nos???

Um Bom 2008 para ti:)

Sunshine,
Concordo plenamente contigo. Há sempre hipótese de nos aperfeiçoarmos.
Beijinhos.

6:50 da tarde  
Blogger andorinha said...

Su,
:)
Que todos os dias sejam para ti dia de Ano Novo:)))

jocas maradas

Oliver,
Voo por sítios que me dizem muito, como esses que referes.
Também voo pelo teu, embora
caladita:)
Bom 2008 para ti
Beijos

Ariel,
Não estás a estragar nada. Essa interpretação é perfeitamente plausível.

Pelo conhecimento, sempre!
Beijos*

Klatuu,
Ainda me hás-de explicar o que tens contra os copitos:)))

Beijo*

Nanashi,

Não tens nada que "obrigadar", como diz um amigo meu:)

Fica bem:)
Beijinhos

7:00 da tarde  
Blogger Lux Caldron said...

Sorry! Como é lógico defendo que devemos conhecermo-nos ao máximo, isso é foi apenas uma gafe que apenas será desculpada pelo cansaço de um pobre rapaz em época de exames :)

Dark kiss*

12:07 da manhã  
Blogger andorinha said...

Tás desculpado...
Eu achei estranho, nem parecias tu:)
Quanto aos exames, amanha-te, pá, também já passei por isso. (just kidding)

Vão correr bem, de certeza, se te empenhares. Força aí!

Beijo*

12:41 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home