domingo, julho 13

Pois continuam...

"Todos sabemos que a história da humanidade não é a mesma quando contada pelas mulheres e pelos homens. Os mesmos séculos, as mesmas guerras, os mesmos tempos vividos juntos e, no entanto, com histórias tão diferentes que parecem dois mundos separados. E na verdade foram. E em muitas latitudes ainda continuam a ser."

Laurinda Alves in Público

11 Comments:

Blogger biazinha said...

Não sei se concordo que homens e mulheres contam a história da humanidade de forma diferentee sim pessoas de orientações políticas distintas.
Tia, não recebi e-mail nenhum teu...já é a segunda vez que vc diz que enviou e-mail e não recebo. Por isso que não gosto do hotmail.
Beijinho.

1:05 da manhã  
Blogger cabecinhapensadora said...

A objectividade não existe. Mas é, em alguns items, um factor a ter em consideração. A História é um deles. E, nesse aspecto, tem que existir a distância de quem conta: Importa a fidelidade ao passado.
Mas, se se trata de um romance, contar um facto com perspectiva pessoal, dar uma opinião...então sim, depende do contador. E não há dúvida: a lei da atracção baseia-se numa incomensurável distância a que gostamos de chamar mistério e promove o interesse pelo e do outro:)))
Boa semana

8:41 da manhã  
Blogger biazinha said...

Já me retratei, tia...daqui a 3 dias vc voltará a me amar de novo...pq sou uma gracinha!
Beijos.*

8:55 da tarde  
Blogger acutilante - frank verlag said...

Não é necessário existir a diferença de género, para que a históris tenha várias versões. Mas tb é verdade que partindo desse ponto de vista há uma certa razão.
Cleópatra e César contariam a mesma versão da história?

2:19 da tarde  
Blogger acutilante - frank verlag said...

leia-se "história"

2:22 da tarde  
Blogger Su said...

há sempre dois pontos de vista...no minímo.............


miga..me perdoa de não passar aqui mais vezes , nem que seja só para te deixar aviões de jocas maradas

10:14 da tarde  
Blogger andorinha said...

Bia,
Não sei se concordo contigo. A História tem que ser objectiva, independentemente da opção política de quem a faz ou escreve.
Mas até penso que há um olhar feminino e outro masculino sobre a história porque as vivências têm sido distintas ao longo dos séculos.
Olha, isto dava pano para mangas.
Vou deixar para outra altura; hoje está muito calor:)

Cabecinha,
Na História tem que existir objectividade. Mas o que é objectividade? A tua? A minha?
Complicado, isto:)

Continuação de boa semana.
Beijinhos.

Acutilante,

Bem-vindo!:)
Concordo contigo, o género ainda influencia um bocado estas questões.
E a pergunta que fazes é pertinente...
Mas quando escreveste "históris" estavas a pensar em quê???!!!:)))

Su,
Não sei se perdoo...:)
Mas por acaso já tinha pensado nisso, que nunca mais tinhas vindo ao meu ninho deixar um bom naco de jocas bem maradas:))))

jocas maradas...sempre

11:41 da tarde  
Blogger Rosa said...

Qualquer história tem mais do que um ângulo por onde se pode olhar.

Beijinhos *

7:12 da tarde  
Blogger Nanashi said...

Na historia do nosso mundo, as mulheres já foram muito rebaixadas em realçao aos homens... e em certos países ainda continuam a ser... (coisa que não acho nada bem, mas enfim...)

E felizmente hoje em dia, as mulheres aproximam-se cada vez mais da igualdade plena de direito dos homens... Apesar de num trabalho ser sempre mais facil ser aceite um homem em vez de uma mulher (por esta poder vir a engravidar, e por consequêcia a faltar ao trabalho).

Pareço daquelas feministas irritantes, mas não. Eu nao quero que as mulheres sejam supriores aos homens, mas sim iguais (tanto nas coisas boas como nas coisas menos boas).
Mas eu podia ir por aí fora a dizer que o ser humano também nao é suprior aos animais, mas acho melhor parar por aqui, lol.

Love you Okaasan!!
Miss you!!!
^*^Dark Kisses^*^

1:39 da tarde  
Blogger andorinha said...

Rosa,
Tem vocelência toda a razão...:)

Beijocas


Nanashi,
Que bom ver-te por aqui, menina:)
Concordo com o que dizes. Os seres humanos, independentemente de serem homens ou mulheres devem ser iguais em direitos e deveres.

Beijinhos doces, musume:)

Miss you!
Love you!
Lots and lots of kisses.

9:41 da tarde  
Blogger Sunshine said...

Há muito que aqui não vinha!
é uma grande verdade, as sensibilidades, os poderes de homens e mulheres são muito diferentes.
Dizer que a igualdade de oportunidades entre sexos é uma realidade, é a maior das hipocrisias.
Bjinhos com raios de Sol

10:14 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home