segunda-feira, maio 29

Populismo educativo

O ME descobriu mais um "truque" para acabar com o insucesso escolar: por os pais a avaliar os professores. Sabe-se (só o ME parece não sabê-lo) que, com poucas e honrosas excepções, a maior parte dos pais se está nas tintas para a vida escolar dos filhos, que raros comparecem às reuniões para que a escola e os directores de turma os convocam ou acompanham com regularidade o quotidiano escolar dos que deveriam ser, mais do que da escola, "seus" educandos.
Mas serão os encarregados de educação quem irá classificar o trabalho dos professores, tornando-se de repente, por obra e graça ministerial, em "experts" em pedagogia, em física, em química, em inglês, em história... O resultado adivinha-se: o sistema de ensino tornar-se-á num concurso de popularidade, e melhor será os professores exigentes passarem a distribuir 20 a torto e a direito ou nunca mais progredirão na carreira...

Artigo publicado no JN de hoje por Manuel António Pina.
(Assino por baixo)

13 Comments:

Blogger AQUILES said...

Claro que eu também assino por baixo. Com tudo o mais que já foi dito no blog ao lado.
Mas há uma entrevista excelente com o ex-primeiro ministro irlandês, no Expresso, que não é alheia a esta questão, e que citarei.

9:16 da tarde  
Blogger Pamina said...

Olá,

Esperemos que não passe de proposta ou que a maior parte da proposta não passe. Agora os sindicatos vão discuti-la. Julgo que não ficará assim.
Um bj.

11:13 da tarde  
Blogger Anna^ said...

Falo como Mãe e como encarregado de Educação:acho esta medida uma anedota!
E mais não digo...para não sair asneira.

bjokas grandes e uma boa semana ":o)

11:36 da tarde  
Blogger Ana Afonso said...

Ola Andorinha
Essa ideia é tão boa como fazer rodas quadradas !!! mas fazer o que ???
vai ser um engraxa engraxa como nunca se viu !!!
em vez de andar para a frente não parece que teimamos em andar para tras !!!
Abraços e sorrisos
ana afonso :)

11:19 da manhã  
Blogger Su said...

uma vergonha.....
jocas maradas

8:37 da tarde  
Blogger Su said...

miga vai ver o post da dakidaki
sobre este assunto. está muito bem feito.

http://dakidali.blogspot.com/

jocas de marara

8:41 da tarde  
Anonymous JE said...

O NONSENSE POLÍTICO ELEVADO À CATEGORIA DE PSEUDO-CIÊNCIA

Participei activamente em todas as reuniões de pais mas não me atreveria a classificar professores.

11:03 da tarde  
Blogger andorinha said...

Aquiles,
Já muito foi dito acerca de semelhante disparate. Vamos esperar para ver.

Pamina,
Espero bem que tenhas razão.
Bjs.

Anna^,
Se fosse agora não escolhia esta profissão, não. O desencanto é grande.:(
Beijinhos.

Ana afonso,
São estes os génios que nos governam:(
Beijinhos.

Su,
Já lá fui; está muito bom e já lá comentei.
jocas maradas de desencanto.

Je,
Estou totalmente de acordo.
O que mais estará para vir?

1:12 da manhã  
Blogger wind said...

Um dos maiores disparates que já ouvi! Nem comento mais, senão saía-me uma bacorada:) beijos

11:35 da manhã  
Blogger Rosa said...

Este País... acho que já não tem ponta por onde se lhe pegue!

3:12 da tarde  
Blogger Assobio said...

Não podemos calar-nos!
Reconhecer a importância dos pais na educação dos jovens, e na vida da escola - é uma coisa;legitimar a sua intromissão em domínios científicos, pedagógicos ou técnicos é outra,completamente diferente. Não é por comer carne todos os dias que me torno veterinária!

1:07 da manhã  
Blogger andorinha said...

Rosa,
Pois não e é isso que me assusta.
Bjs.

Assobio,
Toda a gente vê isso, excepto a ministra.:(

8:21 da tarde  
Blogger Psipsina said...

Nem quero imaginar ao que isto vai chegar. A profisssão de professor completante desacreditada e a indisciplina a aumentar, salve-se quem puder!

10:26 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home