segunda-feira, março 27

Gozo

Ondula mansamente a tua língua
de saliva tirando
toda a roupa...

já breves vêm os dias
dentro de noites já
poucas.

Que resta do nosso
gozo
se parares de me beijar?

Oh meu amor...
devagar...
até que eu fique louca!

Depois...não vejas o mar
afogado em minha
boca!

M.Teresa Horta

9 Comments:

Blogger Anna^ said...

Sensual com um trago de erotismo....como nos habituou a autora :)
E foi graças a ti q descobri M.Teresa Horta e de quem gosto muito :)

bjokas ":o)

9:11 da tarde  
Blogger Pamina said...

Exactamente como diz a Anna^.
Posso pedir mais?:)
Como sabes, gosto muito do David Mourão-Ferreira, mas é bom ler-se também "poesia erótica" escrita por mulheres.
Uma boa semana para ti. Bj.

10:45 da tarde  
Anonymous Ana Afonso said...

Ola Andorinha
Muito muito snesual !!
Só há muito pouco tempo me cruzei com M. Teresa Horta e gostei muito, aprecio muito o jeito femimino de escrever erotismo em Portugues!!
Obrigada por este momento !!!
Abraços e sorrisos
Ana Afonso :)

11:54 da manhã  
Anonymous cinda said...

Também faço parte do grupo de admiradoras.

Beijinho, amiga :)

1:29 da tarde  
Blogger wind said...

Lindooooooooooooo:) Adoro a poesia de MTH:) beijos

7:14 da tarde  
Blogger Su said...

...continuo no devagar...até ficar louca:))))))))))
amei reler
jocas maradas

8:23 da tarde  
Blogger AQUILES said...

Ele há um aparthotel na Praia Formosa, Ilha de Santa Maria, a 20 metros das ondas, no meio do silêncio do oceano ora ululante ora sussurante, que se adapta muito ao cenário desse poema.

10:11 da tarde  
Anonymous Para ti said...

Simples mas tão envolvente...
Voltarei mais vezes!

10:39 da tarde  
Blogger andorinha said...

Anna^
Pamina
Ana afonso
Cinda
Wind,
Gosto muito de MTH; ela é a prova de que a poesia erótica não é um feudo masculino.:)
Beijinhos

Su,
:))))))))
jocas maradas

Aquiles,
É sempre bom ter essas informações.:)

para ti,
Obrigada pelas palavras.
Volta sempre que quiseres.:)

12:20 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home